Alunos Online - Trabalhos Escolares e Educação




Esqueci minha senha

Cordados

Os cordados têm como representantes mais conhecidos os peixes, anfíbios, répteis, aves e mamíferos

Os cordados são animais pertencentes ao filo Chordata. Nesse filo estão inclusos os animais vertebrados que possuem algumas características, como: corpo segmentado, circulação fechada, coração ventral, simetria bilateral, sistema digestório completo, endoesqueleto, dentre outras. Os cordados também apresentam particularidades no seu desenvolvimento embrionário, como a notocorda, o sistema nervoso dorsal, as fendas branquiais e a cauda.

A notocorda, também chamada de corda dorsal, é um bastão formado por células que se localiza no dorso dos embriões dos cordados. Essa estrutura se origina a partir da diferenciação do mesoderma, sendo que sua função é a de sustentar o tubo nervoso. Na maioria dos cordados,essa estrutura some no fim da fase embrionária.

O sistema nervoso dorsal, também conhecido como tubo nervoso dorsal, origina-se da ectoderme do embrião (formando o tubo nervoso) e está localizado na região dorsal do corpo, sob a notocorda do embrião. É a partir desse tubo que será formado o sistema nervoso. Na parte anterior do corpo do embrião há uma dilatação desse cordão, formando a vesícula encefálica, que nos animais vertebrados dará origem ao encéfalo.

As fendas braquiais, também chamadas de fendas faringianas, têm função respiratória e são encontradas aos pares na faringe de alguns animais cordados, como os peixes. Nos outros animais cordados,como répteis, aves e mamíferos, as fendas branquiais originam estruturas como a tuba auditiva.

A cauda dos cordados é uma região do corpo que vai além do ânus e é constituída de músculos e notocorda. Em animais como os peixes, a cauda serve para a natação; já para outros cordados, como os jacarés e lagartos, a cauda tem papel fundamental no ataque e também na defesa desses animais. Os macacos são animais que utilizam a cauda para se locomover e também para manipular alimentos e objetos. Na espécie humana, e também em outras espécies, a cauda desaparece totalmente durante o desenvolvimento embrionário, atrofiando-se e formando o cóccix no final da coluna vertebral.

São conhecidas até hoje 45 mil espécies de animais cordados. Eles se encontram divididos em três subfilos: Cephalochordata (cefalocordados), Urochordata (urocordados) e Vertebrata ou Craniata (vertebrados). Os animais pertencentes aos subfilos Cephalochordata e Urochordata são cordados mais simples, desprovidos de crânio e coluna vertebral e muito conhecidos como protocordados ou cordados invertebrados. Já os animais que representam o subfilo Vertebrata são dotados de crânio e coluna vertebral, e abrangem 98% de todos os cordados. O crânio encontrado nos vertebrados pode ser de natureza óssea ou cartilaginosa e se localiza na cabeça com a função de proteger o encéfalo. A coluna vertebral se localiza na região dorsal do corpo do animal e é composta pelas vértebras.


Por Paula Louredo Moraes
    Deixe seu comentário para "Cordados"


    DESTAQUES
    Confira os destaques abaixo

    ..................................................

    Inflação
    Você sabe explicar o que é inflação? Informe-se.

    ..................................................

    Gramática
    Qual o uso correto de Bastante e Bastantes? Confira!

    ..................................................